PREFEITURAS PROTESTAM!


Muitas prefeituras do Paraná estão fechadas hoje, protestando contra a queda nos Fundos de Participação de tributos federais e principalmente, estaduais.

É bem coisa de político rastaqüera, alheio à realidade.

Essa gente (prefeitos e vereadores) se elegem de regra para arrumar a própria vida ou pelo menos para buscar a perpetuação de seus grupos políticos no poder. E quando assumem, quase todos contratam hordas de apadrinhados em cargos de comissão e fraudam licitações na cara dura para beneficiar os seus, torrando o dinheiro público que, afinal, o Estado e a União depositam em nas contas de prefeituras que nada fazem pelo progresso de suas populações.

Mal assumem seus cargos e coisa de dias depois, são vistos dirigindo vistosas camionetes ou veículos de luxo, muitas vezes mais caros que o total do patrimônio que foi declarado pelo então candidato para a Justiça Eleitoral.

Daí, quando chega uma crise que afeta a todos, mas principalmente aos que trabalham e vivem honestamente, ao invés de reverem suas políticas empreguistas e irresponsáveis, preferem fechar as portas e, mais especificamente, não pagar o funcionalismo fixo dos municípios para continuar mantendo as mordomias e benesses adquiridas por meio de campanhas populistas espúrias.

Dizem que o governo não repassa. Mas repassa, menos, mas repassa, o que por si só torna injustificável os atrasos salariais do funcionalismo, que sempre é o primeiro a sentir o efeito da diminuição do dinheiro que entra nos cofres municipais.

Tudo para os cupinchas, nada pela moralidade. E ainda assim, se acham no direito de protestar contra uma crise que afeta a todos.

Quantos deles foram reeleitos ano passado e, no primeiro mandato, nada fizeram em termos de reforma administrativa? Quantos deles ao invés de melhorar a gestão pública, preferiram contratar parentes, amigos, amantes e correligionários, corrompendo a profissionalização da coisa pública e tornando-a ineficiente? Quantos desses prefeitos que hoje estão protestando mandaram comitivas enormes no mês passado, para visitar Brasília (e o presidente Lula) no evento organizado pela Presidência da República?

Os municípios, eu repito, são o maior e pior ralo de dinheiro público que existe. Prefeitos e vereadores sem qualificação intelectual e moral alguma, contratam secretários e assessores com ainda menos qualificação e isso reflete não só na desorganização da coisa pública, mas especialmente nos altíssimos níveis de corrupção constatados em cidades que deveriam no máximo serem distritos, mas criadas por politicagem e com suas classes políticas mantidas por compadrio de deputados também corruptos e mal-intencionados.

Prefeito não tem o direito de protestar, muito menos de fechar o paço municipal. Ele tem mais é que administrar com o que tem, nem que tenha que cortar da propria carne. Mas isso, gente dessa laia não faz.