CARA DE PAU!

Só em um país sem memória é que um ex-presidente como Fernando Henrique Cardoso pode fazer críticas ao Congresso Nacional, acusando-o de estar desmoralizado e de se deixar "cupinizar" pelas artimanhas governamentais do presidente Lula e do PT.

Ora, como foi conquistado o direito à reeleição?

FHC destituiu ministros para que voltassem ao Congresso e votassem favoráveis à emenda que lhe interessava. Depois, os reconduziu aos cargos.

Isso sem contar as manobras orçamentárias e a liberação de emendas parlamentares, que na época foram generosas para a base aliada.

Ou seja, ele foi artífice da desmoralização do Congresso, contribuiu sobremaneira com ela e ainda tem a coragem de apontar o dedo gordo para criticar?

Não estou defendendo o Congresso, estou defendendo a verdade histórica - FHC não tem moral para criticar o Congresso ou o atual governo - ele se utilizou das mesmas práticas e situações que hoje aponta como fatores que "bambeiam" as instituições.

Leia mais:

O Estado de S.Paulo

Blog do Sidnei Rezende.