IMPRESSIONANTE!

Nestes tempos de Copa do Mundo, devemos exaltar os bons exemplos de garra e doação no esporte, como a vitória dos EUA sobre Argélia aos 46 minutos do segundo tempo.

Mas esta acabou ofuscada pelo recorde em outro esporte, o tênis, que hoje contabilizou a partida mais longa da história: 10 horas de confronto, e que ainda não terminou!

Veja AQUI e considere que o jogo foi interrompido pela segunda vez.

O que faz um atleta ultrapassar assim os limites da resistência física e psicológica?

Vitória, nem sempre. Apesar de uma das imagens esportivas mais vívidas em minha memória, ser a do técnico Carlos Alberto Parreira descendo os degraus do estádio Rose Bowl em Pasadena com a Copa FIFA nas mãos, dizendo às pessoas à sua volta para tocá-la porque era verdade, ele, seus jogadores e o Brasil haviam vencido o torneio, ainda assim, a imagem mais forte e expressiva que conheço do esporte ainda é a da maratonista extenuada de Los Angeles, que foi até a marca final tão somente pela honra de chegar lá. (*)

Eventos como as Copas do Mundo de Futebol, as Olimpíadas e os torneios do Grand Slam (Wimbledon, US-Open, Australian-Open e Roland Garros) encerram valores muito maiores que seus prêmios financeiros gigantescos, muita gente ainda é capaz de competir por honra e mesmo por representar bem a sua pátria.

É um aspecto belíssimo da alma humana, que contrasta com as imagens feias patrocinadas pelos senhores Domenech e Dunga nos últimos dias.
______________________________________

(*) Na verdade, a imagem esportiva mais emocionante da minha vida, nítida na memória e representativa de muitas coisas para mim, é o gol marcado pelo atacante Henrique Dias do Coritiba, aos 47 minutos do segundo tempo contra o Santa Cruz no estádio do Arruda, que deu o título de Campeão Brasileiro da Série B de 2007 ao meu time do coração. Foi algo que ultrapassou os limites do drama, do bom senso e do verissímil e a explosão de alegria que me proporcionou foi tão forte que até hoje me emociono.

E você, caro leitor?

Conte seu momento esportivo marcante também...