Pular para o conteúdo principal

O BRASIL EM TÓPICOS

1. HUGO CHAVES

Há cerca de uns 3 anos, na primeira vez em que chamei Hugo Chaves de ditador na minha coluna do Jornal RaioX, aqui de onde vivo, um amigo me mandou um e-mail indignado, dizendo que era injusto eu chamar assim alguém eleito com mais de 60% dos votos válidos naquele país.

Eu respondi para esse meu amigo, que também é militante do PT, que o tempo comprovaria minha razão.

Pois é. Meu amigo acabou por reconhecer que Chaves é ditador por desprezar a imprensa livre e as instituições, inclusive as de fora do seu país, vide o episódio com o Senado brasileiro.

Além de ditador, Chaves é ladrão e um rematado covarde. Se ele fosse corajoso como seus puxa-sacos dizem que é, ele faria esse comentário tosco contra o Senado dos EUA. Mas por ser um maricas preferiu atacar as instituições brasileiras, sabendo que alguns covardes esquerdofrênicos daqui iriam aliviar sua barra.

Se as instituições brasileiras são falhas, isso é problema nosso, não do ditador da Venezuela que buscou, com essa declaração cretina, criar um fato externo para afastar os holofotes das gigantescas manifestações de rua contra o fechamento arbitrário que promoveu contra a RCTV.

Só espero que os esquerdofrênicos nacionais prestem atenção nos fatos.

2. RENAN CALHEIROS

O Senado brasileiro não é, efetivamente, papagaio de Washington. Mas é uma confraria muito unida de amigos que já adiantaram não mexer no caso Renan Calheiros.

Acho que o presidente do Senado merece, sim, deferência e cuidados especiais no trato de acusações contra ele, mormente vindas da imprensa sem intervenção do Ministério Público. No entanto, não pode chegar ao ponto que vimos esta semana, quando o corregedor da casa, Romeu Tuma, logo após receber os documentos afirmar que está tudo bem e que não processará o acusado.

Qualquer denúncia de corrupção deve ser analisada a fundo para o próprio bem do acusado, e não pode valer a justificativa de saques em contas correntes comprovam pagamentos para a jornalista a título de pensão. Uma análise correta, deveria verificar os saques mas também a origem dos recursos e consta que isto não ficou esclarecido a contento.

Sobre esse assunto, leiam o blog Josias de Souza:

Extratos de Renan não provam repasses a jornalista



3. PAC


É impressão minha ou o Congresso está novamente paralisado em virtude das denúncias decorrentes da Operação Navalha?

Me parece que a discussão sobre o PAC ficou em segundo plano novamente...

4. O CAOS

A USP continua invadida sem que as autoridades tomem providência. Governador Serra, quando o senhor vai agir?

A UNE promove manifestações e invasões de reitorias pelo Brasil afora em solidariedade aos manifestantes da USP. A UNE virou um MST acadêmico, não tem propostas nem objetivos, limita-se a promover baderna e fazer barulho para o narcisismo de seus líderes esquerdofrênicos.

Greves de funcionalismo federal pululam por todo o lado: Universidades, INCRA e IBAMA são apenas exemplos, e o presidente Lula em Londres, assistindo partida de futebol.

Amigos,

Tive uma semana complicada em termos de trabalho e ainda por cima, fui acometido de uma gripe para piorar tudo, o que explica a falta de atualização do blog.

Obrigado pelas visitas, sinto-me lisongeado ao ver que, mesmo sem atualizações, vocês procuram ler este blog.

Abraço a todos!

Postagens mais visitadas deste blog

O DISTRITÃO NÃO SOLUCIONA, MAS É MELHOR DO QUE HÁ HOJE

Existem dois tipos de eleitores no Brasil. O consciente, que vota naquilo que o candidato representa (para o bem ou para o mal), e o conivente, aquele que troca o seu voto por alguma benesse, ignorando as falhas gritantes do candidato.
Aqui, em Rio Branco do Sul, se um indivíduo não gastar no mínimo uns 100 mil reais não tem chance alguma de se eleger vereador. Quando meu pai foi candidato, 40 anos atrás, todo dia tinha fila na porta de casa, de gente pedindo dinheiro, cachaça, carona para ir para Curitiba, traslado para levar a mãe na benzedeira, contribuição para churrasco, material de construção, etc... e isso foi bem além da campanha, uns 10 anos depois ainda tinha gaiato dizendo que votou nele, emendando isso com pedido de trocados para gastar no boteco, e isso que não foi eleito, nem tentou de novo depois.
Moral da história: as campanhas eleitorais não são caras porque os candidatos querem gastar, elas são caras porque boa parte do eleitorado é corrupto e desonesto. E num ambie…

VIRAR PESSOA JURÍDICA PODE PREJUDICAR SUA APOSENTADORIA

Nestes tempos em que se discute com 15 anos de atraso uma reforma previdenciária profunda que ataque um dos dois principais problemas fiscais brasileiros, o déficit crescente do INSS (o outro é a conta absurda de juros), não deixa de ser importante discutir o efeito de transformar o empregado em pessoa jurídica.
Para nós, contabilistas, é o melhor dos mundos. O empregado de certa empresa vira pessoa jurídica, nós recebemos os honorários de tabela e ele ainda desconta 11% (quando somos pessoas físicas) do valor que é nossa contribuição previdenciária. Mas para o ex-empregado as coisas não são assim tão simples.
Quando você aceita virar pessoa jurídica, imediatamente tem de pensar em como ficará sua aposentadoria. Um empregado que ganhe R$ 15 mil mensais, contribui para o INSS pelo máximo da tabela, ou seja, ele está pagando para, quando completar o tempo e a idade, aposentar-se com um valor de aproximadamente R$ 5 mil por mês, talvez um pouco menos dependendo de sua média de contribui…

O ADEUS AO MAIOR DOS COXAS

"...não deixem que o Coritiba caia para a segunda divisão. Faça essa diretoria montar um time forte. Ano que vem o Coritiba completa 100 anos e precisa estar disputando o título brasileiro. Montem um time forte. Pensem grande. Lá do céu vou comemorar junto com vocês... "Abro o Coxanautas e vejo a notícia triste, o falecimento do maior dos Coxas.

Evangelino da Costa Neves, o "Chinês", veio de São Paulo e se apaixonou pelo Coritiba, clube pelo qual praticamente deu sua vida com esforço e dedicação como o de quem constrói o futuro de sua própria familia.

Digo aos meus leitores e lembro aos Coxas mais jovens as grandes conquistas deste homem incomum para nós Coritibanos: Construção do estádio Couto Pereira, Campeão Brasileiro, Campeão do Torneio do Povo(*), Fita Azul na Europa e 12 vezes campeão paranaense. Mais conquistas? Eu posso listar: Dirceu, Kruger, Kosilec, Luis Freire, Eli Carlos, Aladim, Manga, Duílio, Tobi, Tostão, Rafael Camarota, Dida, Edson, etc... é prec…