TERRA DE NINGUÉM

O que acontece quando as autoridades fazem vistas grossas contra o crime organizado?

Pois bem, parte da resposta está em duas manchetes de "O Globo" de hoje, uma da edição impressa, outra da edição digital:

PF INVESTIGA MAIS 40 POLICIAIS, POLÍTICOS E JUÍZES POR CORRUPÇÃO.

TÍTULO DE CAMPEÃ DA BEIJA FLOR ESTÁ SOB SUSPEITA.


O carnaval carioca sempre foi o momento máximo da hipocrisia nacional.

No "maior espetáculo da terra", bicheiros e traficantes de droga desfilam impunes, ou na passarela ou como destaques de carros alegóricos. Não raro, aparecem nos mesmos camarotes frequentados por políticos de alto coturno ou celebridades das novelas e do Big Brother, todo mundo dando um exemplo de alegria e paz transmitida para centenas de países mundo afora entre um close da bunda de uma passista ou a queda furtiva do aplique que protegia os seios ou a genitália de uma "modelo e atriz".

E assim vamos nós. Presidente da república fotografado com "modelo e atriz" sem calcinha. Ministro da Justiça flagrado em fuga do sambódromo na maior manguaça e não raro o governador e o prefeito do Rio de Janeiro dividindo os mesmos corredores de um espaço público, com as pessoas que chefiam o terror da guerra civil carioca, que mata mais gente que a do Iraque.

É a tal coisa. Não se pode negociar com criminoso. Não se pode fazer vistas grossas pro crime, não se pode dar trégua a ele. No Rio de Janeiro, de trégua em trégua, os criminosos foram se infiltrando numa classe política por si só corrupta, mas que antes apenas roubava dinheiro público e hoje, mata e trafica tanto quanto rouba recursos públicos. Daí, um belo dia, alguém resolve mexer no vespeiro e o resultado é isso que estamos vendo: Vereadores, deputados e até juízes envolvidos com bicheiros e notem bem os leitores, trocando experiências criminosas.

Os bicheiros faziam um carnaval aqui ou ali e se contentavam em desfilar e aparecer nas telas de poderosa como benfeitores "da comunidade". Aprenderam com os políticos a arte de subverter o mérito em favor próprio e agora, até desfile de escola de samba tem suspeita de corrupção e favorecimento. E os políticos e juízes? O que será que os bicheiros e traficantes ensinaram para eles?

Em tempo:
Não consegui participar da blogagem sobre a liberação das células-tronco, basicamente porque não encontrei tempo para estudar um pouco sobre o assunto e não escrever bobagens. Mas fica o meu apoio.